Dois modos de tocar trompa!!!!!!

Dúvidas em Relação à Trompa, questões técnicas, de execução, construcção, interpretação, etc...

Moderadores: Gil Brasil, rmatosinhos

Responder
Abner
Membro Nível 1
Membro Nível 1
Mensagens: 20
Registado: 17 jun 2010, 17:56

Dois modos de tocar trompa!!!!!!

Mensagem por Abner » 29 jul 2011, 22:51

Ola pessoal! tudo bem????
eu estive um tempo um pouco distante mas voltei com mais divida e alguns problemas!!!
Eu sempre toquei somente na igreja e agora estou para entrar na Orquestra Senai!
E descobri que a maneira que eu toco na igreja é diferente da maneira em que se toca
nas orquestras de outros lugares!
Na igreja eu toco sempre com o recurso acionado, ou seja, em SI bemol mas com a mecânica e a tonalidade totalmente
diferente dos outros instrumentos em em Si bemol!
essa maneira de tocar é errada? qual a mecânica e a tonalidade para que eu possa tocar na orquestra??

desde já, Muito obrigado!!!!!!
E parabéns Matosinho!Muito obrigado por nos dar esse meio de tirar as duvidas de amantes desse
lindo instrumento que é o que nos tocamos (ou no meu caso, tenta tocar)!!!!!!! :tr1: :tr1: :tr1:

Avatar do Utilizador
rmatosinhos
Administrador do Site
Administrador do Site
Mensagens: 1602
Registado: 23 dez 2004, 18:22
Localização: Ermesinde
Contacto:

Re: Dois modos de tocar trompa!!!!!!

Mensagem por rmatosinhos » 30 jul 2011, 01:09

Não compreendi bem a sua pergunta...
Caso se esteja a referir a trompa fá e sib... numa orquestra toca-se tanto em fá como em si bemol.
Agora... pode também estar a referir-se a uma transposição...
Quando toca na sua igreja, toca as notas da escala de dó maior (a partir do dó central) com que posições?

A) 0, 1, 0, 1, 0, 1•2, 2, 0
B) 0, 1•2, 2, 0, 1, 1•2, 2, 0
C) 0, 1•3, 1•2, 1, 0, 1•2, 2, 0
Ricardo Matosinhos
Administrador do Forum

Abner
Membro Nível 1
Membro Nível 1
Mensagens: 20
Registado: 17 jun 2010, 17:56

Re: Dois modos de tocar trompa!!!!!!

Mensagem por Abner » 30 jul 2011, 11:37

Nenhuma dessas
eu toco: 1, 1-2, 2, 0, 1-2, 2, 2, 0!!!!

Avatar do Utilizador
Gil Brasil
Moderador
Moderador
Mensagens: 930
Registado: 31 dez 2009, 17:59
Localização: Minas Gerais, Brasil

Re: Dois modos de tocar trompa!!!!!!

Mensagem por Gil Brasil » 01 ago 2011, 00:24

A Paz de Deus, Abner.

Primeiro, é preciso verificar qual tonalidade você toca a trompa e qual a partitura (hinário) vc usa? Trompa em Sib e partitura em Sib? Ou partitura em Dó e trompa em Sib? Há diferenças nas transposições, muda-se a digitação conforme cada escolha.

Na igreja, trompa em Sib, hinário em Sib, usa-se a mesma digitação do trompete em Sib (aqui o Dó3 é o Dó4 do trompete):
Dó3 em diante (escala natural): 0,1,0,1,0,12,2; Dó4 0,0 (ou 1), 0, 1, 0, 12, 2; Dó5: 0, 1, 0, 1, 0.
Trompa em Fá, hinário em Sib: Dó3: 1,0,12,1,0,1,0; Dó4: repita o mesmo chaveamento.
Se quiser alternar Fá e Sib, hinário em Sib: Exemplo: pode tocar em Fá, de Dó3 a Fá: 1,0,12,1 - e em Sib, de Fá# em diante: Fá# 2, Sol 0,12,2; Dó4 0,0 (ou 1), 0, 1, 0, e assim por diante. Este é o opção 2 de chaveamento que descrevo abaixo.

Se for trompa em Sib, hinário em Dó: muda tudo (ver meu Chaveamento para Trompa - Várias tonalidades, o mesmo ocorrendo se trompa em Fá, hinário em Dó, ou trompa em Fá, hinário em Sib.

Na verdade, não há segredo para tocar na Orquestra do Senai: é só fazer a transposição das notas para a partitura do concerto Fá ou para Sib. Existem dois modos mais comuns de fazer a transposição:
1) lendo a partitura mas com notas alteradas: por exemplo, se está escrito nota Fá, vc "lê" Sol, ou Sib, ou qualquer outra nota que seja a transposição correta (que particularmente eu acho mais difícil, mas te dá condição de tocar qualquer partitura). Didaticamente, funciona assim: partitura em Dó maior, vai tocar em Fá, muda-se a leitura da nota, enxergará uma outra nota, tem que imaginar que a pauta (pentagrama) é móvel, até achar a nota que afina com o restante da orquestra.

2) fazer o chaveamento para cada partitura: como o chaveamento que eu disponibilizei aqui no fórum, ou seja, você a partitura como está, mas muda a digitação de cada nota para combinar certinho com a tonalidade da partitura, isto é, é um trabalho totalmente mecânico, não precisa ficar ler outra nota na partitura, apesar que a digitação é de outra nota. Didaticamente, funciona assim: partitura em Dó maior, vai tocar em Fá, muda-se a digitação até achar a nota que afina com o restante da orquestra.

Quanto à usar a trompa em Fá, Sib ou mesclado, é preciso um estudo detalhado do que vai necessitar, isso não se faz da noite para o dia, é trabalho e paciência. Parafraseando Ricardo Matosinhos (não nestas palavras, mas é a ideia): "enfim, com todas as contas que fazemos das transposições, o que mais esperamos é tocar correto".
Gil Brasil

Avatar do Utilizador
Gil Brasil
Moderador
Moderador
Mensagens: 930
Registado: 31 dez 2009, 17:59
Localização: Minas Gerais, Brasil

Re: Dois modos de tocar trompa!!!!!!

Mensagem por Gil Brasil » 02 ago 2011, 01:17

Abner, quanto ao primeiro modo 1 de fazer a transposição, na verdade, ele também pode ser utilizado de uma outra forma. Isso porque existem várias claves em que a posição da nota-referência muda para facilitar as transposições e a vida dos compositores e músicos.

São elas:
- Clave de Sol = nota Sol na 2ª linha do pentagrama.
- Clave de Fá = nota Fá na 3ª ou na 4ª linha.
- Clave de Dó = na 1ª, 2ª, 3ª ou 4ª linha.
Tudo isso para que o músico leia a nota que melhor lhe convier.

Como usar?
Exemplo: Partitura em Dó, trompa em Fá, onde tem um:
Dó, toque Fá na trompa (1º espaço do pentagrama na clave de Sol)
Ré = Sol (2ª linha)
Mi = Lá (2º espaço)
= Sib (3ª linha). Bingo = aqui está a Fá na 3ª linha. Se a partir de agora, vc considera que na 3ª linha existe um Fá, poderá tocar usando a clave de Fá na 3ª linha.

E assim, por diante, cada situação requer uma conta diferente.
Caso tenha algum erro aqui na minha transposição, peço que os colegas me corrijam ou deem sugestões.
Gil Brasil

Avatar do Utilizador
rmatosinhos
Administrador do Site
Administrador do Site
Mensagens: 1602
Registado: 23 dez 2004, 18:22
Localização: Ermesinde
Contacto:

Re: Dois modos de tocar trompa!!!!!!

Mensagem por rmatosinhos » 02 ago 2011, 08:19

Abner Escreveu:Nenhuma dessas
eu toco: 1, 1-2, 2, 0, 1-2, 2, 2, 0!!!!
Pois... está a utilizar uma transposição.
Com essa dedilhação significa que está a tocar numa trompa em sib bemol, transpondo para dó.
Essas são as dedilhações da escala de sol maior (começando no sol médio) que no piano vai soar dó maior.

Na prática não há apenas 2 modos de tocar trompa. Se pensar nas diversas transposições, há obras em que na mesma página muda 2 e 3 vezes de transposição. Numa opera de Mozart, Wagner, Verdi, Bizet, etc, estará sempre a mudar de transposição, pois a musica foi escrita para trompas naturais. Numa orquestra sinfónica há vários instrumentos de sopro transpositores, mas nada vence as partes de trompa :lol:
Ricardo Matosinhos
Administrador do Forum

Abner
Membro Nível 1
Membro Nível 1
Mensagens: 20
Registado: 17 jun 2010, 17:56

Re: Dois modos de tocar trompa!!!!!!

Mensagem por Abner » 07 ago 2011, 15:11

Outra coisa que me intriga!
Porque na igreja nós tocamos de um jeito e em orquestras se toca do outro?

Evaldo R. Freitas
Membro Nível 1
Membro Nível 1
Mensagens: 5
Registado: 03 jan 2010, 13:05

Re: Dois modos de tocar trompa!!!!!!

Mensagem por Evaldo R. Freitas » 08 ago 2011, 15:22

Olá amigos e irmãos.
A questão aí é que infelizmente está faltando informação dos professores e intrutores para a trompa.
Existe os métodos disponiveis para trompa, com o A TUNE A DAY e ALMEIDA DIAS que nos dá todas as informações q precisamos, onde existe o dedilhado do instrumento tanto em FA como em SIB e lições para embocadura e técnicas.
Ao iniciar no hinário é só fazer a tranposição em FA na 3ª linha. Tanto em FA quanto em SIB a tranposição é a mesma, com isso o musico tacará as partituras para orquestras q geralmente estão feitas em clave de SOL.
Resumindo: Devemos aprender o dedilhado natural da trompa que estão nos metodos e fazer estudo da clave de FA na 3ª linha para soprano e contralto e Clave de DÓ na 4ª linha para tenor e baixo. Não é dificil, é só começar q o desenvolvimento será imediato. \:D/ \:D/

Abner
Membro Nível 1
Membro Nível 1
Mensagens: 20
Registado: 17 jun 2010, 17:56

Re: Dois modos de tocar trompa!!!!!!

Mensagem por Abner » 28 ago 2011, 01:08

Eu ainda estou meio confuso!
o maestro do Senai me ensinou uma escala que é no lado fá da trompa
mas as posições das notas são iguais as do outros instrumentos mas eu tenho
que transportar 4 acima. assim quando os outros instrumentos tocam de Dó a Dó
eu toco de Fá Fá!
Mas então porque na igreja eu toco em uma escala que é de sol a sol no lado Si na trompa
me impedindo de alcançar notas mais agudas, pois a escala já é muito aguda, e não do mesmo modo
que se toca em orquestras?

mapereira
Membro Nível 4
Membro Nível 4
Mensagens: 138
Registado: 31 jul 2010, 02:39

Re: Dois modos de tocar trompa!!!!!!

Mensagem por mapereira » 28 ago 2011, 17:32

Paz de Deus, Abner
Eu tenho a impressão que o contralto na igreja é muito agudo em relação ao soprano; prá entender melhor, é como se a segunda voz que é o contralto fosse tão ou mais aguda que a primeira, no caso o soprano, daí ser preciso tocar notas tão agudas no contralto; seria mais ou menos uma voz mais fina fazendo o acompanhamento para uma voz mais grossa. Existe um quarteto de vozes Arautos do Rei onde as quatro vozes são colocadas bem distintas, dando à perceber a diferença entre primeira e segunda vozes, e aí há diferença nelas, se nota que o primeiro tenor têm a voz bem mais fina que o segundo.
Eu acho que o mais confortável e natural para as trompas é o tenor, seria uma voz mais semelhante ao natural da trompa, tanto que a maioria dos trompistas na igreja gostam mais do tenor.
Espero que tenha colaborado.
Tenho certeza que os caros colegas trompistas o ajudarão a entender melhor.

Avatar do Utilizador
Gil Brasil
Moderador
Moderador
Mensagens: 930
Registado: 31 dez 2009, 17:59
Localização: Minas Gerais, Brasil

Re: Dois modos de tocar trompa!!!!!!

Mensagem por Gil Brasil » 29 ago 2011, 02:58

Abner, o maestro do Senai te ensinou a trompa em Fá, digitação própria natural da trompa. As partituras são iguais para todos os instrumentos, creio que em dó maior pelo que vc mencionou, e dessa forma, vc precisa transportar uma quarta acima, exatamente igual no hinário, considerando as mesmas condições (partitura em Dó maior, trompa em Fá, transportada uma quarta acima).

O que vc ainda não compreendeu é que as composições do hinário da Congregação são de fato mais agudas que a maioria das composições clássicas, eruditas ou de bandas, pois o hinário não foi pensado considerando a existência da trompa na orquestra (imagine só, isso nas primeiras décadas do século XX); o que existia para o contralto eram saxofones contralto, e raríssimos flugelhorns e coraltos, mais alguns poucos instrumentos dessa voz. No sax contralto, a dificuldade é muito menor do que na trompa, visto que basta soprar e apertar as teclas correspondentes para obter o som do contralto.
Obs.: Aliás naquela época, a trompa era praticamente uma desconhecida e cara, não era fabricada no Brasil e o acesso às informações eram praticamente inexistentes, diferentemente de hoje, que temos a Internet de graça para pesquisar e comprarmos o que quiser.

Sendo assim, o contralto para trompa no hinário da CCB ficou bastante exigente e majoritariamente agudo em relação às outras composições para trompa, sendo que raramente nos concertos se vê notas mais agudas que Dó4, a mais aguda que vi foi Sib4. Veja no vídeo do Nagy Mikklos (6m51s): Notas Agudas.

Sendo que o contralto do hinário da CCB alcança até Mi4, e na média, fica entre Fá3 a Dó4, ou seja, realmente é bastante agudo e difícil.
Quando vc escreve: "Mas então porque na igreja eu toco em uma escala que é de sol a sol no lado Si na trompa e impedindo de alcançar notas mais agudas, pois a escala já é muito aguda, e não do mesmo modo que se toca em orquestras?" Pelo contrário, não impede que vc toque notas mais agudas, na verdade, você as toca na igreja uma quarta acima por causa do transporte, diferente das composições próprias para a trompa em Fá. Resumindo: na CCB toca a nota uma quarta acima para instrumentos em Dó, portanto bem mais agudo; no Senai, toca a nota para trompa em Fá, portanto natural para ela.

Explico: na trompa em Fá, considerando a escala normal dela, é fácil conseguir chegar até Dó5, porque está na tonalidade própria dela, uma quarta abaixo dos intrumentos em Dó. Dessa forma, se vc toca um Fá4 no hinário da CCB, ao considerar o transporte que faz, estará tocando uma nota real uma quarta acima, isto é, Dó5 na trompa em Fá. Entendeu?
Gil Brasil

frncsc
Membro Nível 2
Membro Nível 2
Mensagens: 31
Registado: 30 mar 2011, 23:16

Re: Dois modos de tocar trompa!!!!!!

Mensagem por frncsc » 29 ago 2011, 21:30

Abner Escreveu:mas as posições das notas são iguais as do outros instrumentos mas eu tenho
que transportar 4 acima. assim quando os outros instrumentos tocam de Dó a Dó
eu toco de Fá Fá!
Abner, se você tocar em uníssono com ,por exemplo, o trompete, a digitação será igual (Dó a Dó no trompete e Fá a Fá na trompa). No entanto, a trompa tem mais tubo e por isso, harmónicos mais graves. Por exemplo, de dó a dó no trompete em unissono com a trompa de fá a fá, ele começa no 2º harmónico e acaba no 4º, enquanto que você começa no 4º harmónico e acaba no 8º! Ou seja, é muito mais difícil para você do que para ele. Para estar em pé de igualdade você devia começar no 4º harmónico também, que é uma oitava abaixo. Em vez de subir uma quarta, experimente descer uma quinta e assim, em condições normais, a dificuldade em subir será mais igualada. :rock:

frncsc
Membro Nível 2
Membro Nível 2
Mensagens: 31
Registado: 30 mar 2011, 23:16

Re: Dois modos de tocar trompa!!!!!!

Mensagem por frncsc » 30 ago 2011, 19:56

frncsc Escreveu:Para estar em pé de igualdade você devia começar no 4º harmónico também, que é uma oitava abaixo.
#-o Queria dizer 2º Harmónico, ou seja, o fá uma oitava abaixo.

Mizael
Membro Nível 1
Membro Nível 1
Mensagens: 5
Registado: 07 ago 2014, 11:25

Re: Dois modos de tocar trompa!!!!!!

Mensagem por Mizael » 07 ago 2014, 11:33

Estou começando agora comprei uma trompa em Bb apartir de qual nota eu começo a escala .me disseram q e de sol a sol essa informaçao confere se sim tem quantos acidentes .vou tocar na igreja partituras e si
Mizaelguedes

Responder

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Nenhum utilizador registado e 2 visitantes