Dificuldades

Dúvidas em Relação à Trompa, questões técnicas, de execução, construcção, interpretação, etc...

Moderadores: Gil Brasil, rmatosinhos

Responder
LucasMarinho
Membro Nível 1
Membro Nível 1
Mensagens: 9
Registado: 02 mar 2011, 13:07

Dificuldades

Mensagem por LucasMarinho » 27 jan 2012, 18:51

Caríssimos amigos trompistas.

Estudo trompa a aproximadamente 1 ano e meio, e estou nesse momento passando por uma dificuldade que muito tem me angustiado.
Toco na orquestra da CCB e faço meus estudos diários, em casa, sem maiores problemas (dentro do possível claro..rs), tenho evoluído bastante nesses últimos dias, principalmente nos agudos.

Mas quando toco nos cultos, junto da orquestra, sinto uma dificuldade muito maior do que a que sinto tocando sozinho na minha casa. Sem contar o medo de errar que, muitas vezes, me tira até o fôlego.

Resumindo: Muita dificuldade em tocar em conjunto. Muita mesmo....!!!!!

Alguns dos colegas passou por isso? Como contornar?

ABS

Avatar do Utilizador
Gil Brasil
Moderador
Moderador
Mensagens: 932
Registado: 31 dez 2009, 17:59
Localização: Minas Gerais, Brasil

Re: Dificuldades

Mensagem por Gil Brasil » 27 jan 2012, 19:32

A Paz de Deus, Lucas.

Irmão, isso não é privilégio só seu, todo mundo sente isso. É fato que tocar em conjunto é muito mais difícil.

Em casa ou nos estudos em conservatórios, estamos à vontade, erramos e não somos criticados (principalmente quando o professor não está próximo ou um colega), muitas vezes sozinhos relaxamos e tocamos mais à vontade, experimentamos mais, a responsabilidade é menor.

Mas, quando tocamos em conjunto tudo isso muda, pois a execução precisa ser perfeita (ou próxima disso) para afinar e harmonizar com a orquestra. E é ali que as dificuldades maiores que temos é que são mais expostas, pois você é obrigado a tocar as passagens e notas que ainda têm dificuldades. Se tiver que fazer solo então (pergunte ao usuário mapereira e quantos outros), aí a coisa engrossa ainda mais.

Por isso, é importante levar as práticas e os estudos com dedicação, mesmo que seja em casa, pois a trompa é um instrumento muito visado pelas pessoas, e isso reflete-se em maior exigência e exposição a erros.

Há quem admira a trompa e quer ouvir o seu belo som, coloca muito expectativa no tormpista, e ficará frustrado se o intérprete não conseguir tocar bem; a outra parte é aquela "do contra" (sobretudo nossos companheiros músicos de outros instrumentos), pois muitos sequer imaginam o que é o desafio de tocar trompa, outros nutrem certa "aversão" aos trompistas, e assim, ficam à espreita para criticar e ver nossos erros.

Por exemplo, já teve gente que se senta perto de mim só para ouvir a trompa, quer mais pressão que isso, principalmente se você não teve uma boa semana de prática? E é lógico que a gente erra, mas o importante é se preparar, treinar, dedicar para que os erros não se repitam constantemente num mesmo culto ou concerto, pois isso arrebenta com a imagem do trompista e da trompa, ou de qualquer outro instrumento.

Ademais, quando tocamos em casa, geralmente o nível de intensidade e altura é muito menor que na orquestra, pois lá os instrumentos "soltam a voz" com muito mais facilidade que a trompa, já que ela não é um instrumento de timbre aberto, pelo contrário, o timbre é aveludado e mais baixo que a maioria dos outros instrumentos.

Então, só resta praticar com bastante intensidade e altura, e sempre focar a gama de notas que precisamos para não termos maiores dificuldades.

A Paz de Deus.
Gil Brasil

mapereira
Membro Nível 4
Membro Nível 4
Mensagens: 138
Registado: 31 jul 2010, 02:39

Re: Dificuldades

Mensagem por mapereira » 27 jan 2012, 21:23

A Paz de Deus, caros irmãos Lucas e Gil
É isso aí mesmo, Lucas, é igual o Gil disse, tocar sozinho é muito diferente de tocar em grupo; sozinho você tem o controle total do som enquanto em grupo o som do seu instrumento vai se misturar aos demais e vai realmente vir aquela incerteza de estar tocando certo. Por algum tempo passei por isso, tinha a impressão de estar tocando errado e procurava tocar ainda mais baixo porque se errasse ninguém notaria, mas não dava certo, se eu errasse alguma nota no decorrer do hino não tinha problema, mas se eu aumentasse o valor de alguma nota, principalmente nos finais de estrofes e coros, aí não tinha jeito.
Mas o grande teste que considero não tenha sido o exame, sim, pode parecer interessante, mas não foi; o meu maior teste até hoje( veja bem e perceba o que pode pressionar um instrumentista) foi num ensaio regional em Campo Limpo Paulista, num total de uns quatrocentos músicos só havia uma trompa, justamente eu; tudo transcorria bem durante o ensaio, até que, já no final é lembrado dos instrumentos que quase não se vê na igreja, já fiquei gelado na hora; pediram para os oboés e fagotes fazerem uma parte, terminaram e aí foi minha vez, o órgão fez a introdução do hino 450 e eu tentei tocar, toquei baixo e um pouco atrasado mas toquei, quando terminou parecia que ia faltar o ar. Fiquei decepcionado comigo mesmo e mal via a hora de terminar aquele ensaio. A recompensa veio depois quando o meu encarregado me elogiou dizendo que havia sido muito corajoso.
Mas é assim mesmo, você só vai passar a tocar com franqueza em grupo com o passar do tempo, não tem outro jeito. É tempo, estudo, prática e oração que pode resolver.
Deus abençoe

Avatar do Utilizador
rmatosinhos
Administrador do Site
Administrador do Site
Mensagens: 1603
Registado: 23 dez 2004, 18:22
Localização: Ermesinde
Contacto:

Re: Dificuldades

Mensagem por rmatosinhos » 28 jan 2012, 01:03

Estudar todos dias ajuda, mas porque não, estudar acompanhado às vezes.
Se no concerto alguma nota sair ao lado, não faz mal. Como sempre me disse o meu primeiro professor "Precisas de errar pelo menos uma nota, senão parece fácil demais e não te pagam" :lol:
Claro que há erros e erros e não é por isso que vamos erras 10 notas e há sempre a velha máxima de que uma nota errada tocada com "à vontade" é uma interpretação.
Ricardo Matosinhos
Administrador do Forum

eneiastrompista
Membro Nível 1
Membro Nível 1
Mensagens: 8
Registado: 15 nov 2011, 03:01

Re: Dificuldades

Mensagem por eneiastrompista » 28 jan 2012, 18:40

Meu caro irmão Lucas apdd a quanto tempo hein,como vão as coisas?Bom no começo eu passei por isso também,principalmente nos ensaios regionais me lembro que por diversas vezes no meio de 800 a 1000 músicos só tinha eu de trompa,mas através de muita oração hoje vejo os frutos,pois hoje tocamos em 17 trompas aqui na minha cidade,tenho o prazer desde o mes de novembro de tocar trompa ao lado do meu filho e de 2 primos,procure sempre estar nos ensaios regionais pois sempre tem mais de 1 trompa,como o Matosinhos procure estudar sempre com mais um trompista claro na medida do possivel,e venha nos visitar aqui em Carapicuiba as portas estão abertas para voce e quantos Deus preparar,no próximo ensaio local na central de Carapicuiba se Deus assim permitir o nosso irmão Temistocles estará presente,convido voce o nosso irmão Gil e o nosso irmão Marcelino para estarem presentes.Lembre-se seja persistente.

Avatar do Utilizador
Cátia
Membro Nível 4
Membro Nível 4
Mensagens: 135
Registado: 23 set 2011, 22:29
Localização: São José dos Campos

Re: Dificuldades

Mensagem por Cátia » 29 jan 2012, 17:56

Olá!
Também sou a única trompa na orquestra em que participo. São aproximadamente 70 músicos.
Não é diferente comigo. Como nossos companheiros de naipe disseram, a trompa é um instrumento que sobressai. Ela chama a atenção! As vezes é um solo, ou uma passagem, e a orquestra todinha fica na expectativa, pra ouvir a trompa!!!!
Comigo é assim! Quando chega a vez do solo da trompa, o pessoal pára de tocar, e ollha pra trás, para os lados, só esperando! hehehe ( isto me dá um frio na barriga, e uma tremedeira) ](*,) ( Tem hora que não sai nada!) :wink:
Não só quem está na orquestra, tocando com agente, mas quem está cantando, ou ouvindo também tem esta expectativa sobre a trompa.
Muitas vezes, depois do culto, ou da apresentação, alguém me procura, pra saber do nosso instrumento, ou pra dizer, que estava esperando tal passagem da trompa. " Eles apreciam o som do nosso instrumento" Por isto tamanha expectativa. Mas em relação a dificuldade de tocar em grupo, é natural, pois qdo tocamos sozinhos, fazemos nosso próprio ritmo, ou andamento. Quando estamos em conjunto, devemos ouvir uns aos outros, pra que a música fique em harmonia. Seguir o maestro, entre outras coisas.

Ah!
Não sei se conhece o musical Experiencia com Deus, este musical tem um solo de trompa logo de cara! E aquele famoso Lá4 ( na pontinha do coqueiro) hehe..........Fiquei muito insegura, pela razão de que todos estariam esperando ouvir aquele solo. Só de pensar, me dava tontura. É serio! Ficava tonta, só de imaginar o que seria se eu não conseguisse. Então, uma pessoa me disse, que isto é normal, e que na hora da apresentação, eu deveria me lembrar dos exercicios, focar na partitura, e procurar lembrar d tudo o que eu estudei em casa, e colocar em pratica. DEU CERTO!
Lucas, é um constante exercicio, tocar em grupo. Com o passar do tempo, tocando com o pessoal, a gente se acostuma, e tudo fica mais fácil. Fica " autmático" \:D/

Avatar do Utilizador
Gil Brasil
Moderador
Moderador
Mensagens: 932
Registado: 31 dez 2009, 17:59
Localização: Minas Gerais, Brasil

Re: Dificuldades

Mensagem por Gil Brasil » 29 jan 2012, 21:41

Cátia, me perdoe, mas ao passo que ia lendo sua mensagem, você colocando drama e tal, nesta parte não aguentei e tive que rir: "Só de pensar, me dava tontura. É serio! Ficava tonta, só de imaginar o que seria se eu não conseguisse." :lol: :D :lol:

Muito boa sua história pois traz os traços femininos, contando um fato sério de forma descontraída sobre a trompa. É isso aí, rindo de nós mesmos, é o melhor remédio para aliviar a pressão.

Já salvei nos meus favoritos o musical "Experiência com Deus" e vou assisti-lo quando tiver um tempo. Quem quiser ver é só clicar no link.

Fique com Deus.
Gil Brasil

Avatar do Utilizador
Cátia
Membro Nível 4
Membro Nível 4
Mensagens: 135
Registado: 23 set 2011, 22:29
Localização: São José dos Campos

Re: Dificuldades

Mensagem por Cátia » 30 jan 2012, 17:23

Legal este link!

LucasMarinho
Membro Nível 1
Membro Nível 1
Mensagens: 9
Registado: 02 mar 2011, 13:07

Re: Dificuldades

Mensagem por LucasMarinho » 06 fev 2012, 18:42

Caríssimos amigos Trompisas!

Fico imensamente grato pelas dicas e por compartilharem suas experiências comigo, que estou começando, que Deus Abençoe a todos. É muito bom escutar trompistas mais experiêntes, isso motiva muito, obrigado mesmo.

Já estou colocando em prática os conselhos..rs Estou procurando mais ensaios onde sei que poderei tocar com outra Trompa, e estou cada dia mais empolgado com esse instrumento magnífico, mesmo com tantas duficuldades.

Irmão Enéias, faz tempo mesmo. Mandarei um e-mail, vamos combinar um dia e chamarei o Glaucio para lhe vazermos uma visita.

Mais uma vez obrigado e Deus abençoe a todos..!!!

Avatar do Utilizador
Eliabe Alamo
Membro Nível 4
Membro Nível 4
Mensagens: 139
Registado: 31 ago 2011, 22:48
Localização: Mossoró-RN
Contacto:

Re: Dificuldades

Mensagem por Eliabe Alamo » 04 mar 2012, 19:57

Cátia Escreveu:As vezes é um solo, ou uma passagem, e a orquestra todinha fica na expectativa, pra ouvir a trompa!!!!
Comigo é assim! Quando chega a vez do solo da trompa, o pessoal pára de tocar, e ollha pra trás, para os lados, só esperando! hehehe ( isto me dá um frio na barriga, e uma tremedeira) ](*,) ( Tem hora que não sai nada!) :wink:
Lá na orquestra quando vamos tocar o hino Adoração HC 51 que tem uma introdução de trompa... eu fico gelado, todo mundo fica olhando pra mim na expectativa do solo. E o pior vem quando eu erro o solo. Fico morrendo de vergonha :D ainda bem que quem percebe é só o pessoal da orquestra, quem ta escultando acha que é arranjo rsrsrsrrs :tr1:
Quem quer consegue, não importam as dificudades!

"Cantai-lhe um cântico novo; tocai bem e com júbilo" Sl 33:3

Vejam Meu Canal http://www.youtube.com/user/EliabeAl/videos

Responder

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Nenhum utilizador registado e 2 visitantes