Trompa fa/sib

Dúvidas em Relação à Trompa, questões técnicas, de execução, construcção, interpretação, etc...

Moderadores: Gil Brasil, rmatosinhos

Responder
Danilo
Membro Nível 1
Membro Nível 1
Mensagens: 4
Registado: 18 ago 2005, 13:05

Trompa fa/sib

Mensagem por Danilo » 18 ago 2005, 13:11

Bom dia sou novo aqui no forum mas estou com grandes duvidas a respeito da Trompa.

Eu toco ha uns 7 anos tuba bombardao em sib, e comprei agora uma trompa dupla em fa/sib, mas nao sei tocar em fa e nao faco ideia de como se toca trompa em fa/sib, alguem poderia me explicar quais as principais diferencas de um instrumento convencional em sib e uma trompa dupla fa/sib?
[/b]

Avatar do Utilizador
rmatosinhos
Administrador do Site
Administrador do Site
Mensagens: 1605
Registado: 23 dez 2004, 18:22
Localização: Ermesinde
Contacto:

Mensagem por rmatosinhos » 18 ago 2005, 19:59

Ola


Na teoria... pode tocar trompa fa exactamente da mesma forma como toca num bombardino... a diferença é que as notas vão estar uma quarta de diferença...

Na práctica como a trompa sibemol está uma quarta mais acima, no mesmo registo (comparativamente à tromap fá) em fa haverá menos notas, logo, menores possibilidades de falhar. Em contrapartida, como o tubo da trompa sibemol é mais curto terá um som masi pobre do que a trompa fa


a forma mais fácil de se apreceber como funciona... passa pelo uso se séries de harmónicos...

toque algumas notas sem (carregar em nada) em si bemol

de seguida toque a mesma coisa 1/2 tom abaixo... pressione a 2ª chave...

a 1º (um tom abaixo)

1+2 (1 tom e meio)

2+3 (2 tons)

1+3 (2 tons 2 meio)

1+2+3 (3 tons)



deve ter notado que as posições 1+3 e 1+2+3 na trompa sibemol ficaram bastante desafinadas (altas)

experiemente agora....

Trompa Si bemol

0
2
1
1+2
2+3
Trompa Fá
0
2
1
1+2
2+3
1+3
1+2+3

a trompa fá pode se entender como um prolongamento da trompa sib

Pode pensar desta forma...
todas as posições da trompa sibemol vão funcionar em fá com uma quarta de diferença: o sol da trompa sibemol vai ser o do da trompa fa, o fa# o si (da tromap fa) etc...

para não confundir... adoptou-se simplesmente a ideia de tocar em trompa fá e considerar a trompa sibemol exactamente como se fosse fá (so que com posições diferentes) ou seja: pensar SEMPRE EM TROMPA FÁ!


o primeiro passo passa por fazer a experiencia acima (com os harmónicos) e ver como as duas trompas (fa + sib) se complentam

se pretende tocar trompa... o 2º passo é simplesmente esquecer todas as posições que aprendeu no bombardino e pensar em novas posições...


com o tempo os dedos vão acabar por se mexer sozinhos, pois as diferenças intervalares são exactamente iguais (apenas um quarta de diferença).

IMPORTANTE: NUNCA TENTE COMPARAR POSIÇÕES DA MESMA NOTA ENTRE O BOMBARDINO E A TROMPA OU VAI COMEÇAR A CONFUNDIR-SE

EX: o do3 da trompa fa tem a posição "0" o re3 tem a posição "1" o mi3 a posição "0" o fa3 a posição "1" o sol "0"... etc... mas sem perguntar porquê.... simplesmente decore...
mais tarde assim que se sinta confortável poderá estabelecer relações...

Boa Sorte
Ricardo Matosinhos
Administrador do Forum

Danilo
Membro Nível 1
Membro Nível 1
Mensagens: 4
Registado: 18 ago 2005, 13:05

Mensagem por Danilo » 20 ago 2005, 15:44

Entao simplificando tocar a trompa em fa a escala seria a Seguinte: Do chaves soltas, Re = chave 1, Mi chaves soltas, Fa chave 1, Sol chaves soltas, La chaves 1e2, Si chave 2.

Em em sib como seria as posicoes da escala, considerando que vc disse para esquecer as posicoes do bombardino?

E qual seria a finalidade da 4 chave o recurso da trampa dupla?

Grato Danilo

Avatar do Utilizador
rmatosinhos
Administrador do Site
Administrador do Site
Mensagens: 1605
Registado: 23 dez 2004, 18:22
Localização: Ermesinde
Contacto:

Mensagem por rmatosinhos » 20 ago 2005, 16:31

Não é fácil explicar por texto, ainda mais sem poder exemplificar...

o mais fácil será pegar numa tabela de posições e, simplesmente decorar.
No Endereço abaixo encontra uma no formato do sibelius (precisa de um plugin de scorch para ver... mais informações no link abaixo)

http://www.sibeliusmusic.com/cgi-bin/sh ... reid=47595

Quanto ao porquê da trompa fá/Sib... bem... há varias razões:

- a primeira prende-se com o facto de, como na trompa fá todas as séries de harmónicos começam num registo mais grave do qe em sibemol, em termos de comparação com o mesmo registo em si bemol, vai haver maior número de harmónicos, logo nenor certeza e maior possibilidade de falhar.

Ex: entre o do3 e o Do4...

Em trompa fa temos as notas: DO, MI, SOL , SIBEMOL (baixo em afinação) DO 5 NOTAS

em trompa sibemol: DO, FA, LA, DO 4 NOTAS

Se fizermos uma comparação com uma oitava acima... (entre o DO4 e o DO5...) a difença será maior:

em trompa Fá: 9 harmónicos

em trompa Sib: 7 harmónicos


- a segunda explicação é o alargamento de registo: entre o 1º e 2º harmónico de uma série, vai uma distancia de uma oitava: logo, tendo ao nosso dispor 3 chaves, que conseguem 7 diferentes comprimentos de tubo (à distância de meio tom) por diferentes combinações... apenas conseguimos um registo de uma quarta aumentada (3 tons) havendo um vazio até prencher a oitava...

na practica... sem a combinação da trompa fá/Sib é impossível tocar certas notas (simplesmente... não existem)

ainda no alargamento do registo...

sendo o meio tom o intervalo mais pequeno da musica tonal... em trompa o intervalo de meio tom encontra-se do 15º para o 16º harmónico (si4-do5)

dir-se-ia que do5 seria o extremo da trompa fá, pois o 17º harmónico ja não seria do# mas sim dum do#baixo...

se a trompa sib se encontra uma 4ª perfeita acima... então o extremo da trompa na musica tonal passa a ser o fa5 (pois o meio tom da série de harmonicos de trompa sibemol está entre o mi5(15º harm) e o fa5(16ºharm)

- há tambem as questões de afinação...

Sendo que com uma trompa conseguimos 3 chaves em 7 posições diferentes (em que as duas ultimas estão desafinadas: 1+3, 1+2+3)... com o uso de uma trompa fa/sib é possível evitar estas posições em quase a totalidade do registo...

- Por ultimo... pode-se dizer que a trompa sibemol dá mais certeza nos ataques... mas a tromap fá tem um som mais rico... logo... nenhum trompista está completo sem certeza de ataques ou falta de som...

Certeza/Som...

Um dilema que levou os constructores a construir a trompa dupla fa/sib as trompas triplas fa/sib/fa(agudo), as trompas triplas fa/sib/mib(agudo), as trompas de sistema ascendente, entre outras...

todas elas com o propósito maior certeza... pois hoje em dia ja ninguem tolera um "krrrrrrrrrrrrru" de trompa :)
Ricardo Matosinhos
Administrador do Forum

Danilo
Membro Nível 1
Membro Nível 1
Mensagens: 4
Registado: 18 ago 2005, 13:05

Mensagem por Danilo » 18 nov 2005, 18:13

Bom estou progredindo um pouco. mas como aqui no brasil nao tem muitos professores a disposicao e o meu tempo tambem e pouco, estou aprendendo a tocar sozinho, gostaria de saber se a escala que estou ultilizando esta correta:

do3 - chave 0, re3 - chave 1, mi - chave 0, fa - chave 1, sol chave 0, a partir do sol#, comeco a ultilizar a 4 chave o recurso, em todas as notas sendo assim fica: la - chaves 1,2e4, si - chaves 2e4, do4 - chaves 0e4 - re4- chaves 1,2e4, mi - chaves 2e4, fa - chaves 0e4.

gostaria de saber se essa forma de escala esta correta, e se e possivel outras formas de escala?

Avatar do Utilizador
rmatosinhos
Administrador do Site
Administrador do Site
Mensagens: 1605
Registado: 23 dez 2004, 18:22
Localização: Ermesinde
Contacto:

Mensagem por rmatosinhos » 19 nov 2005, 00:20

As posições que está a utilizar estão correctas. (segundo o standard)

Agora... convem entender que o que se busca com essas posições são uma forma o mais simples possivel de afinar e tocar com facilidade. Cada posição da trompa tem um enorme potencial 16 ou mais notas (7 posições do lado de fá, mais 7 do lado de sibemol, sem contar com as posições alternatias... é mesmo muita coisa.


No Que diz respeito a standard: poderá visitar nos sites:

http://www.sibeliusmusic.com/cgi-bin/sh ... reid=14889
http://www.sibeliusmusic.com/cgi-bin/sh ... reid=47595

(Necessita de fazer o download do plugin scorch)
Ricardo Matosinhos
Administrador do Forum

Danilo
Membro Nível 1
Membro Nível 1
Mensagens: 4
Registado: 18 ago 2005, 13:05

Mensagem por Danilo » 27 nov 2005, 19:06

Bom se esta correto as posicoes que lhe passei, tenho mais uma duvida. Por que algumas pessoas me falam para tocar apenas em sib ou apenas em fa, pelo que sei fa/sib sao complementos ou seja ate o sol3 eu toco ela em fa e do la3 para frente com o apertando o recurso eu toco em sib. Entao para tocar em sib eu toco apenas do la3 para frente as notas mais agudas. e para tocar em fa eu toco do sol3 para baixo as notas mais graves. (obs. nao consegui abrir os seus links)

Avatar do Utilizador
rmatosinhos
Administrador do Site
Administrador do Site
Mensagens: 1605
Registado: 23 dez 2004, 18:22
Localização: Ermesinde
Contacto:

Mensagem por rmatosinhos » 28 nov 2005, 01:44

para vizualizar os inks precisa de um plugin "Scorch"

http://www.sibelius.com/cgi-bin/downloa ... rod=scorch


Existem várias explicações para trompa Fa/Sib Funcionam como um complementeo de registo é certo, mas também servem como recurso timbrico.

Geralmente varia um pouco de tipo de escola, Base Sib com algumas notas em Fa ou Base Fa com algumas notas em Sib.

Geralmente em fá é possível tocar um som mais rico, mas em contrapartida em sib os ataques são mais certos. Principiantes costumam começar apenas em fá para treinarem a certeza e conseguirem produzir um bom som. Claro que um bom trompista conseguirá tocar um bom som quer em fá ou Sibemol. Dado que em trompa sibemol há mais certeza (pois os harmonicos estão mais afastados, em comparação com o mesmo registo em fa) no registo aguro toca-se maioritariamente em sib.

Por norma também se costuma tocar em sib entre o fa2 eo d#2
Ricardo Matosinhos
Administrador do Forum

mapereira
Membro Nível 4
Membro Nível 4
Mensagens: 138
Registado: 31 jul 2010, 02:39

Re: Trompa fa/sib

Mensagem por mapereira » 10 out 2011, 23:16

Matosinhos diz:

na practica... sem a combinação da trompa fá/Sib é impossível tocar certas notas (simplesmente... não existem)

Quais seriam, essas notas?
Quais seriam essas notas?

Responder

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Nenhum utilizador registado e 5 visitantes